Como saber se meu logotipo está desatualizado?

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Essa é uma pergunta muito importante que deve ser feita ao longo dos anos. Neste artigo vamos falar de apenas 4 características que ajudam ao empreendedor a identificar se ele precisa mudar ou atualizar o logotipo da empresa. Vamos deixar claro alguns conceitos para facilitar, ok =)

Logotipo é o conjunto de texto + desenho (símbolo). Exemplo: logotipo da pepsi. Também pode ser somente texto ou somente o símbolo, como exemplo a letra ‘F’ do facebook.

A identidade visual já é considerada um conjunto de elementos em que o cliente tem contato: desde do cartão de visita até o site, elementos de apoio, ícones e padrões fotográficos, por exemplo.

Marca é o conjunto de ações em que as pessoas tem contato com determinado produto ou serviço.

 

1. Uso excessivo de degradê.

As marcas estão evoluindo com o passar do tempo e dessa vez a palavra chave é simplicidade. Muito detalhes em degradê podem ser prejudiciais visualmente. O uso desse recurso deve ser muito bem estudado por um pofissional para que ele não atrapalhe no principal aspecto de um logotipo: sua pregnância.

 

2. O logotipo não tem versões horizontais ou verticais.

Cada superfície que o logotipo é aplicado tem sua particularidade. A dica principal é ter mais de uma versão de aplicação além da versão preferencial. Uma simples aplicação de logotipo no cartão de visita é totalmente diferente do que em uma embalagem. O que deve prevalecer aqui é o bom senso e a coerência em aplicar o logotipo para que a leitura e identificação seja da melhor maneira possível.

 

3. O próprio desenho não é simplificado. 

É muito comum ver logotipos cheios de detalhes e muitas cores. Não há certo ou errado, mas sim um posicionamento. A pergunta a ser feita é: Como eu quero ser visto? O Logotipo ajuda a identificar você como uma empresa totalmente única no mercado. A simplicidade é a palavra em questão. Hoje temos tantas plataformas digitais em que o logotipo pode ser aplicado como assinaturas de e-mail ou redes sociais, que um logo cheio de detalhes ou com muita informação, pode acabar sendo prejudicial para a rápida identificação do cliente ou prospect.

 

4. A empresa mudou de “formato” mas o logotipo não. 

Mudar processos, aperfeiçoar atendimento aos clientes, entrada ou saída de sócios, nova compra de equipamentos, um novo endereço e um novo posicionamento de mercado são indicações de que é necessário mudar a identidade visual da empresa.Designers brasileiros renomados recomendam que essa mudança deve acontecer em um período de 2 à 5 anos de empresa.

 

DICA: A marca é o principal ativo a empresa e a identidade visual deve ser bem objetiva na sua forma de expressão.